Author

Quem faz o blog? Ivan Nunes jornalista desde 2000.
Fale com o Blog A Palavra: (82) 9 9177 2828

Polícia

Aposentada vítima de acidente com micro-ônibus é sepultada na Branquinha


Maria Josefa da Silva, 63 anos, vítima fatal no capotamento do micro-ônibus



Caixão ficou lacrado durante o velório



Filha da vítima conduziu celebração evangélica em homenagem a mãe, Maria Josefa da Silva























Esquife da aposentada Maria Josefa da Silva



Parentes da vítima iniciam ritual fazendo sinal da cruz com o caixão










Comoção e dor no sepultamento da aposentada Maria Josefa da Silva, de 63 anos, vítima de acidente automobilístico quando viajava num micro-ônibus que fazia a linha de União dos Palmares para Maceió na tarde desta segunda-feira,1. Parentes e amigos foram se despedir da mulher que viajava com destino ao Hospital Geral do Estado(HGE) com o intuito de visitar uma filha que se encontra na ala amarela vítima de um acidente doméstico, e que ainda não foi informada sobre a morte da mãe.

Caixão lacrado devido a perda de massa encefálica da vítima, vizinhos lamentavam o falecimento da aposentada Maria Josefa, bastante querida entre os moradores, oriundos de um processo de reforma agrária no Assentamento Zumbi dos Palmares, onde residia na companhia de mais quatro filhos que dependiam diretamente de sua aposentadoria.


No dia em que perdeu a vida, Maria Josefa da Silva saiu de casa às 8h da manhã. Andou a pé até um ponto de ônibus localizado a margem da Br-104, onde pegou o micro-ônibus com a neta nos braços e na companhia da filha que sobreviveu ao acidente com vítima fatal.

"No momento do capotamento não deu para ver nada. O motorista desenvolvia alta velocidade quando fui jogada no chão. Estava com a minha filha nos braços, a Maria Rita, de apenas seis meses. Quando me dei conta já estava fora do ônibus. Eles ainda tentaram me enganar sobre a morte de minha mãe dizendo que estava tudo bem, mas vi manchas de sangue nos vidros e bancos do micro-ônibus e em seguida o corpo de minha mãe caído no corredor", disse a filha que pediu anonimato, e reclamava de fortes dores no peito.

Antes da saída do caixão, um ritual fúnebre chamou a atenção do blog. Os homens que conduziam o esquife, foram orientados a fazer uma cruz com o caixão para depois seguir em direção ao carro funerário. Um ato ecumênico foi celebrado na saída do corpo da aposentada, com entoação de louvores e muitas orações.

Publicado em 03/02/2016
2 comentários
O comentário não representa a opinião do blog. A responsabilidade é do autor da mensagem.
  1. User

    Alagoano escreveu em 05/02/2016 13:16:09:

    Onde é que tem na bíblia escrito que o cristão não iria passar por atribulações?

  2. User

    O cético escreveu em 04/02/2016 10:05:06:

    Me desculpe o comentário, parece que a vítima era evangélica. Cadê a proteção divina?

Entre na conversa!

Deixe seu comentário abaixo !

Confirme o código abaixo: