31/07/2020 Por Ivan Nunes

Jornalista diz que Covid-19 barrou lançamento de seu novo trabalho em 2020

O lançamento do livro "Ocupação das terras do quilombo dos Palmares e a criação de Vilas" além da sessão de autógrafos e fotos da jornalista e escritora, Genisete de Lucena Sarmento foi cancelada para este ano em função da Covid-19

Genisete cogitou escrever a segunda parte do seu livro cuja aceitação da primeira edição foi muito boa entre professaores, historiadores, empresários e alunos das mais diversas redes de ensino.

- Não deu para fazer muito este ano, por conta da Covid-19. Ela foi na verdade o grande problema, impossibilitando que eu publicasse a parte 2 do livro, um libelo contra a violência aos quilombolas de União dos Palmares e Muquém", disse Genisete que participou da procissão de Santa Maria Madalena, padroeira dos católicos de União dos Palmares.

Ex-vereadora pelo PT de União dos Palmares, Genisete foi a fundadora do jornal, versão impressa, do O Relâmpago, cuja linha editorial era de oposição ao prefeito José Praxedes Neto.

- Foi uma boa experiência essa do jornal na cidade. Fizemos um excelente trabalho onde publicamos informações sobre quanto a prefeitura recebia de FPM e projetos outros. Fomos por demais vigilantes", disse Genisete.

Para a escritora e jornalista, Ocupação das terras do quilombo conta a história de fuga dos negros e sua luta pela liberdade dos palmarinos, a partir do Muquém", disse. 

Comentários


Jornalista lançou primeira edição na casa oficial de Maria Madalena, em União dos Palmares


Obra prima escrita por Genzeota Vianna; tem vídeo!

Envie seu comentário



Blog A Palavra

por Ivan Nunes