Batatinha. tomate e cebola sofrem majoração no preço e as donas de casa protestam



 

A quem reclamar quando os preços estão nas alturas e que foge do controle orçamentário doméstico? A melhor coisa mesmo é diminuir na quantidade e manter a aquisição? Estas e outras respostas fomos buscar na feira-livre de União dos Palmares, onde as donas-de-casas colocaram suas opiniões nesse assunto cujo resultado, você confere nesta reportagem de Ivan Nunes, com Imagens de Alan e edição de Vanderson Paes.

Fomos buscar esclarecimentos de onde saem esses aumentos para o preço do tomate, da cebola e da batata inglêsa, produtos indispensáveis na mesa do trabalhador, que adora uma boa salada e de um purê daqueles de saboroso. Acompanhe!

 










Comentários

Comente também!