Em entrevista, Rodrigo Valença fala da independência da prefeita Ângela Vanessa no cargo; de suas ações na prefeitura de São José da Laje e por que Arthur Lira, presidente do Congresso Nacional, é o cara

O ex-prefeito de São José da Laje, Rodrigo Valença, disse em entrevista na rádio AG FM de União dos Palmares como superou o desemprego para alguns críticos de sua gestão de 8 anos: trabalhando.

Ele revelou que mesmo tendo a usina Serra Grande do lado como porta de entrada para o trabalho no setor sucroalcooleiro, valorizou cada centavo que entrou no município transformando em obras e enfrentando os problemas como coleta do lixo doméstico, falta de água na cidade e postos de saúde com médicos e fazendo funcionar.

— Quando entrei na prefeitura, a instituição não tinha crédito nenhum no comércio, por conta de alguns gestores. Foram momentos de reconquista e acabei meu mandato colocando o município de bem com seus fornecedores e o pagamento dos servidores sendo feito dentro do mês trabalhado. Isso foram conquistas da gestão Rodrigo Valença", lembra ele que ainda não definiu qual cargo eletivo vai disputar nas eleições de 2022 que se aproximam.

Advogado, voltou a atuar. "Fui revalidar minha OAB", comentou ele alegando que já assinou a primeira exordial. Quanto a sua relação com o Poder Legislativo local, Rodrigo não se limitou a falar, mas disse que o seu pai, ex-prefeito Paulo Roberto de Araújo Neno, tratou muito bem essa questão.

"A propósito, meu pai  sempre foi um dos maiores esteios e ensinamentos da minha vida", reconheceu.

— O ex-prefeito foi sempre uma pessoa ideal para relacionar-se com a Câmara Municipal de Vereadores de São José da Laje. Nunca tivemos desavenças, sempre foram bons aliados", disse.

Rodrigo Valença destacou a isenção e independência política-administrativa da prefeita Ângela Vanessa. "Uma pessoa que se revelou como secretária municipal de saúde nos meus 8 anos como prefeito. No cargo se credenciou para assumir o Executivo Municipal tornando-se na primeira mulher prefeita de São José da Laje.

— Ela vai fazer história como mulher e como prefeita. Uma pessoa antenada e nós estamos do lado dela, ajudando, tanto eu como meu pai Neno, por entendermos que Vanessinha precisa da gente. Mas sua independencia como prefeita é indiscutível, indissociável", disse Rodrigo Valença.

Quanto ao seu futuro político, Rodrigo foi enfático e destacou a parceria com o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira. Um parceiro que sempre ajudou São José da Laje.

Estaremos juntos nas eleições de 2022, mesmo entendendo que isso é um assunto para ser tratado mais na frente, quanto ao cargo que irei disputar. Mas, o presidente Arthur é o cara!", frisou.


Rodrigo Valença durante entrevista na rádio AG FM de União dos Palmares


Prefeito Rodrigo Valença

Comentários

Comente também!